Três livros divertidos, leves e inteligentes que vale a pena ler

IMG_8985

‘Não sou uma dessas’, ‘Extraordinário’ e ‘Não deixe a neve cair’ são as indicações de hoje

Juntei três livros que gostei bastante de ler nesse primeiro semestre de 2015 para contar um pouquinho mais para vocês. Os três são divertidos e leves, desses que a gente lê super rapidinho e nem vê o tempo passar, mas ao mesmo tempo nos ensinam alguma lição.

O primeiro é o “Extraordinário”, da R.J Palacio, que se tornou um dos meus livros preferidos. Vi ele pela primeira vez em Ubatuba, quando estava passeando por uma livraria com meu namorado durante as férias. Li a sinopse e fiquei bem curiosa, mas acabei não comprando porque estava caro (quem nunca, né?). Logo em seguida comprei pela internet e comecei a ler assim que o livro chegou.

Título original é 'Wonder' e autora é R.J Palacio

“Extraordinário” conta a história do August Pullman, um garoto de 10 anos que nasceu com uma síndrome genética que faz com que ele tenha o rosto deformado. Ele fez muitas cirurgias e tratamentos para melhorar sua qualidade de vida, já que sua doença não causa “só” problemas estéticos, por isso, acabou sendo educado pela mãe em casa.

Porém, chegou uma hora em que a mãe sentiu necessidade de colocá-lo em uma escola, para que ele pudesse aprender mais, é a partir daí que começa a história. O livro é contado em primeira pessoa, nem sempre só pelo August. Os amigos, a irmã e o cunhado também ganham capítulos para contar um trecho da história. Isso é muito interessante, pois faz a gente entender o lado de cada um e não julgar ninguém.

O livro ensina que não devemos julgar um livro pela capa, um menino pela cara e as pessoas por atitudes isoladas. Depois que acabei de ler, fiquei pensando MUITO sobre o modo que tratamentos as pessoas e em como quero ser mais cuidadosa para não gerar mal-estar para pessoas que passam por situações parecidas a de August. Às vezes um olhar curioso já causa um turbilhão de sentimentos, ainda mais nas crianças.

IMG_8983

BÔNUS! Após o sucesso de Extraordinário, a editora Intrínseca lançou o “365 dias extraordinários”, que é o livro de preceitos do professor Browne.

Só para contextualizar, o August tem aula com esse professor, que sempre coloca uma frase de efeito na lousa e incentiva os alunos a pensarem sobre o assunto, então esse livro extra tem 365 frases importantes para ler um por dia, o ano inteiro. É inspirador!

O segundo livro que gostei muito e indico hoje é “Deixe a neve cair”. Ele se passa no Natal, então tem aquele clima natalino super delicinha, dá vontade de entrar no livro pra sentir o frio e a neve. É até meio louco ler livro assim quando tá muito calor hahah. Ele é escrito por três autores diferentes, cada um com um capítulo: John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle.

Deixe-a-Neve-Cair

No livro, vamos conhecendo histórias diferentes e, quando muda de autor, dá aquela vontadezinha de pular para saber o desfecho daquela história inicial logo, mas os autores conseguem entrelaçar tudo incrivelmente, de um jeito que fiquei pensando “mas gente, como eles conseguiram isso?”.

Tem romance, tem amizade, tem aventura, tem família, tem desastre na noite natalina e tem muita torcida para ter um final feliz. É um livro super leve e fofo, daqueles que a gente fica pensando nos personagens depois.

O terceiro livro de hoje é “Não sou uma dessas”, da Lena Dunham. criadora da série Girls, da HBO. Se você não assiste, não desista de ler, pois eu também não assisto e uma coisa não está relacionada com a outra. Creio que se você entende a Lena através do livro, vai entender mais a série, mas o caminho é inverso também, então dá pra todo mundo ler tranquilamente.

Pra quem não sabe, a Lena é um ícone do feminismo e muitas garotas que já sofreram com machismo, baixa autoestima ou outros problemas que atingem as mulheres, acabam se identificando e encontrando nela um exemplo. O livro é em primeira pessoa e super pessoal, ela conta sobre relacionamentos amorosos, dramas familiares, como descobriu que a irmã é gay, como ficou desempregada por um tempo e como se entupiu de remédio para “viver melhor”.

CAPA-Não-sou-uma-dessasComecei a ler “Não sou uma dessas” em uma semana que eu estava doente, de molho em casa. Comprei a biografia em uma livraria e deixei na pilha de livros, até que chegou a vez dele na fila. A leitura é rápida, pois os capítulos são pequenos, mas ao mesmo tempo exploram assuntos super pesados, como estupro.

O jeito da Lena escrever e as histórias interessantes e absurdas me prenderam tanto que teve um dia que estava tomando soro no hospital e fiquei segurando o livro com a outra mão para ler. Todo mundo filhou me olhando estranho, mas não tinha nada para fazer, tinha que ficar sentadinha com o braço esticado, então bora tirar o livro da bolsa, né? Com a vida corrida, qualquer 10 minutos livres são suficientes pra ler.

Nossa, acho que escrevi muito, né? Mas achei melhor indicar três livros de uma vez senão eu ia ficar devaneando muito sobre um livro só e ia acabar soltando spoiler (odeio saber detalhes importantes antes!). Espero que você goste de algum desses livros assim como eu, em breve tem post só sobre os livros do John Green. 😉

Advertisements

2 thoughts on “Três livros divertidos, leves e inteligentes que vale a pena ler

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s