‘O ano em que disse sim’, o maravilhoso livro da Shonda Rhimes

lIVRO SHONDA 1

Um dia ainda vou fazer um post exclusivamente sobre Grey’s Anatomy por aqui, mas hoje quero falar somente sobre o livro “O ano em que disse sim”, escrito pela Shonda Rhimes, criadora de Grey’s, Scandal e produtora executiva de How To Get Away With Murder. Ganhei o livro de presente de Natal do meu irmão e fiquei surpresa (no bom sentido) com o conteúdo.

Achei que era uma espécie de auto biografia, contando mais sobre sua carreira, mas logo no começo percebi que é um livro super pessoal. A história é a seguinte: Shonda sempre foi uma pessoa tímida e introvertida, o que lhe causou uma série de bloqueios sociais, que fazia com que ela rejeitasse diversos convites para eventos no mundo das celebridades e tivesse até crises de pânico antes de entrevistas.

Até que, num dia de ação de graças, ela percebe que diz não para tudo e decide criar um desafio pessoal: só vai dizer sim nos próximos 12 meses. O enredo pode parecer um pouco com o filme hilário “Sim, senhor”, do Jim Carrey, mas digamos que ela só diz sim para as coisas importantes, que realmente vão mudar sua vida.

lIVRO SHONDA 2

A partir de então, Shonda compartilha várias partes de sua vida, mostrando como aquele aspecto era conduzido até então e como ela mudou após o sim. Ela fala sobre maternidade, carreira, amizade, amor, diversidade, racismo, auto-aceitação e conta histórias super divertidas e pessoais. O livro causou uma espécie de epifania em mim, pois me identifiquei em vários aspectos com ela.

O que me chamou a atenção é que o livro é escrito em primeira pessoa e em, em vários momentos, Shonda fala diretamente com o leitor, o que faz com que a gente se sinta super best friend dela, sonho de todo fã da Shondaland. Além disso, ela é super divertida, não dá vontade de parar de ler.

Outro aspecto muito importante do livro é que ela faz muuitas referências às séries que já escreveu. Além de contar os bastidores de alguns episódios, ela explica o que inspirou fases importantes de Grey’s Anatomy: a escolha de Sandra Oh para Cristina Yang, o porquê de Grey e Yang sempre dançarem, de onde surgiu a história da pose da Mulher Maravilha, enfim…senti como se estivesse mergulhando em um mundo secreto da série que tanto amo.

Sem dar mais spoilers, só posso dizer que se você é fã de uma alguma série escrita pela Shonda, não pode perder a chance de ler esse livro. A leitura é deliciosa, não poderíamos esperar menos desta escritora nata. O livro faz a gente entender mais as séries, as histórias, as personagens e dá uma injeção de motivação para seguir com seus sonhos.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s